Querem as nossas emoções

Muitos seres presentes em nosso universo astral são provenientes de mundos cujas características físico-químicas, plasmáticas e etéreas diferem grandemente da nossa. Boa parte deles perdeu sua moradia devido aos experimentos genéticos e científicos que os levaram a uma destruição coletiva e à conseqüente alteração da sua matriz genética.
Então, o que estes seres estariam fazendo em nosso universo espiritual já que, com eles, guardamos poucas afinidades? Pois bem, é justamente isso que nos aproxima deles. Ou seja, são as nossas diferenciações matricial-energéticas que levam estas entidades a se aproximarem de nós a fim de buscarem identificar as características que podem ser aproveitadas na realização de mudanças em sua estrutura citoplasmática e núcleo-quânticas com vistas a manterem a preservação de suas espécies.

Nossas emoções, por exemplo, representam um fator muito atrativo para estes seres, porque elas são verdadeiros portais dimensionais através dos quais eles podem adentrar o nosso quantum consciencial e estudar, em detalhes, a natureza da constituição psicobio-dimensional dos seres humanos e os propósitos da sua existência, bem como de qual mistura espacial surgimos e qual a centelha da inteligência que nos anima.

Ao contrário do que muitos pensam, os visitantes de outras galáxias não estão interessados em estudar as nossas emoções pelo fato de não as tê-las. Eles sentem emoções, embora elas não sejam iguais às nossas. Na verdade, o que conhecemos como emoções poderia ser classificado, neles, como síntese programática. Isto é, programas específicos relacionados à intenção de transformar realidades e dinamizar a interação das energias.

Estes indivíduos sabem que possuir emoções humanas é estar propenso à fragilidade e sob o controle de outras mentes. Significa, também, estar em constante conexão com mundos e submundos construídos e mantidos por lógicas inversas aos parâmetros humanóides, quase sempre perversas (para nós), pois, a tônica das mentes destes lugares é sugar energias, escravizar desejos, adoecer almas através das falsas crenças, produzir realidades distorcidas, entre outros.

Como muitos fazem parte deste propósito, as emoções humanas não lhes servem mais do que organelas facilitadoras das estratégias de dominação e vampirização de energias geradas pelos desejos e imaginação.

Este artigo continuará...

Autor: Gesiel Albuquerque

Comentários

  1. Estes ladrões de energia estão sempres à espreita e revoltam-se caso a vítima à qual eles costumam explorar emocionalmente resolva mudar seu modo de pensar e de se relacionar com a realidade. É difícil livrar-se deles! Eles viciam-se no tônus mental/emocional de alguém e exacerbam as perseguições e ataques energéticos caso percebam que serão contrariados e desabastecidos daquilo ao qual se acostumaram...Quem é visado por essas criaturas deve redobrar e sempre, até durante o sono, fazer o que o Cristo disse:"Orar e vigiar" cada quantum de seu pensamento!
    SORAYA/POA

    ResponderExcluir
  2. Olá Soraya,
    Sua observação é perfeita. Pela forma como vc fala, parece que vc já vivenciou algumas experiências com esses seres. Por favor, envie-me o seu email.
    Prof. Gesiel

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Ao comentar, coloque seu nome e a localidade.

Postagens mais visitadas deste blog

Esclarecimentos enviados por Rodrigo Romo

Rodrigo Romo é uma farsa

Anjos, deuses e equívocos