terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Extraterrestres

A humanidade tem sido alvo do interesse de muitos Ets, cuja existência, muitos não ousariam imaginar. Falo, por exemplo, dos Ets insectóides, dos astronautas e dos Ets robôs. Esses são os mais frequentemente vistos e contatados em nível de primeiro e segundo grau.

Esses ETs são muito científicos e possuem um poder mental grande. Dessa forma, eles podem ler os nossos pensamentos, sentimentos e emoções, e podem estudar, com grande maestria, o nosso código genético, fisiológico e energético.

Já mantive contato com os Ets astronautas e os Ets robôs. E já vi de longe um Et insectóide. Vou relatar, muito resumidamente, como foram essas experiências.

No primeiro contato, eu estava em frente da minha casa quanto avistei um ser parecido com um humano flutuando a uma distância aproximada de 400 metros em manobra de observação. Esse ser vestia um escafandro branco e usava um capacete hermeticamente fechado. Do alto, o Et astronauta tirava fotos de mim.

Certa vez, eu fui seguido por um ET robô. Ele aparentava ter uns 2 metros de altura e tinha a pele (lataria) na cor bronzeada, semelhante ao cobre. Ele não falava coisa alguma, mas, estranhamente, eu consegui entender o que ele queria ali. Isto é, ele consegui transmitir telepaticamente as suas mensagens; e eu as entendi.

Numa outra oportunidade, estava num determinado local quando avistei um ser gigante, semelhante a um enorme gafanhoto. Ele estava comendo capim (folhas) e nem olhava para mim. No entanto, deu a entender que sabia da nossa presença. Alguém me alertou para que eu não chegasse mais perto, ou então, seria atacado.

Vale salientar, extemporaneamente, que a maioria dos alienígenas existentes na atmosfera Terráquea não possui corpo físico. Outros possuem, porém não querem ser vistos. Para tanto, eles utilizam um avançado recurso de camuflagem e, ainda, usam materiais e roupas não refletidoras da luz. Mas eles estão entre nós, mais próximos do que imaginamos.
Autor: Gesiel Albuquerque