segunda-feira, 6 de abril de 2009

Como agem os seres trevosos? (I)

"Se antes eu já sabia que éramos manipulados pelos seres do invisível, agora tinha a confirmação experiencial, como também descobria a sofisticação que algumas entidades utilizavam para entreter negativamente a vida das pessoas. Intrigas, boatos, doenças, desavenças, dissabores, inseguranças, ódios, perversões, sentimentos de vazio, hipnotismo não revelado, depressão, desastres, ciúmes devastadores, maldades... Havia um extenso e bem elaborado exército para instalar aparelhos diversos nos nossos corpos, na nossa casa e nos nossos locais de trabalho, com o intuito de proporcionar e estimular todas estas emoções e pensamentos negativos e muitos outros, tanto em nós da 3D, como nos do Umbral que nos cercam. Tudo para a produção de algo importantíssimo para eles: energia de baixo padrão vibracional. E como todos nós produzimos em larga escala! O desagradável é que, quanto mais “porcarias” produzimos, mais perto deles ficamos para alimentá-los. Portanto, mais fácil se torna para eles nos acessar novamente com mais intrigas, ódios, etc... e mais energia de baixo padrão liberamos. Ficamos infelizes, cansados e exauridos, fracos de vontade, facilmente domináveis; eles, revigorados, com mais força para instalarem e provocarem em nós mais intrigas, ódios, desastres, doenças..."
Obs: trecho extraído do livro Luz e Trevas. Autor(a): Wyliah