sábado, 11 de dezembro de 2010

Jesus X ETs

A fé é mesmo uma força que move montanhas. Essa afirmação é conhecida de todos e consta no livro bíblico que conhecemos. O incrível disso não é a frase, mas sim, a forma como a intenção é direcionada ao se produzir tal afirmação: "a fé move montanhas".

Observe! Quando você acredita no que deseja, então a sua vontade acontece no plano dimensional da 3D. Não importa se o objeto da sua fé tem história prévia ou não. Ou ainda, se tem comprovações científicas para ratificarem a crença sobre ele. Um exemplo: acreditar em Jesus como salvador do mundo. 
Sobre Jesus, a única fonte de informação sobre sua vida é a bíblia. Não há, entretanto, uma fonte histórica ou científica sequer que comprove a existência desse homem chamado de "rei dos judeus". Mas, mesmo assim, os humanos acreditam piamente nas suas supostas palavras.
O mais incrível ainda é perceber que boa parte daqueles que matariam ou morreriam para comprovar a existência de Jesus, não o fariam se a proposta fosse acreditar na existência de extraterrestres. Pergunto. Qual é a diferença? Respondo. Nenhuma.

Se não se pode comprovar a existência do homem Jesus, também não se pode provar que extraterrestre existe. Porém, acredita-se avidamente no primeiro e despreza-se, com muita segurança, a possibilidade de vida do segundo. Estranho isso, né!

Qual seria, então, a razão dessa discrepância da fé? Por que muitos homens e mulheres movem (e até removem) montanhas para pregar as palavras de alguém que, na prática, nunca existiu? Por que não ter essa mesma opinião direcionada aos Ets?

A resposta é simples. Porque a maioria dos humanos é representante dos aliens na Terra. E para os Ets, não é interessante sabermos que eles existem, pois o véu encobridor dos nossos sentidos cairia e perceberíamos as suas várias formas de manipulação mental, emocional e energética.

Há poderosos soldados alienígenas entre nós, em patamares altíssimos de influenciação pela palavra, pelo dinheiro e pela opressão, dispostos a demover de qualquer ideal o mais simples movimento voltado à descoberta das atividades alienígenas contra os humanos. Em outras palavras, os humanos são prisioneiros, e vão continuar assim por muito e muito tempo.

Só quero que saibam o quanto a humanidade é induzida a não se interessar ou a procurar, erradamente, respostas para os diversos problemas existenciais. Para isso, há muitos Ets infiltrados entre nós, fingindo ser os melhores cidadãos, dominando setores específicos dos nossos grupos sociais, atentos a qualquer manobra de despertamento e sempre prontos a fortalecer a fé humana em outros assuntos, menos na existência deles.

Quando há qualquer movimentação estranha contra os seus planos, os soldados vão diretamente aos seus chefes, no plano astral, contar tudo. Depois disso, os líderes aliens elaboram uma estratégia para aniquilar os agentes da tal manobra. Portanto, não custa nada fiquem atento.

Autor: Gesiel Albuquerque