segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

Características de um Entrante


Já falei sobre os entrantes em dois artigos publicados neste blog. Em um deles, expliquei como este processo ocorre e quais são os propósitos dos construtores destas entidades.

É importante frisar que estes engenheiros utilizam tecnologia semelhante para fabricar clones energéticos, que vão funcionar como transmissores de todas as ações engendradas pelos magos negros e ETs, contra seres encarnados e desencarnados.

Já disse, também, que a utilização de entrantes é uma prática majoritariamente aplicada pelas entidades do universo-denso, com vistas a espionar ou controlar, mental e energeticamente, os seres da criação.

Falei, em um dos textos, que os seres pertencentes ao denso universo buscam produzir os seus entrantes artificiais, porque é mais seguro para eles, e à prova de falhas. No entanto, eles podem (quando querem) desprogramar alguma entidade, através de potentes computadores hipnóticos, para reprogramá-la com outros códigos e fixá-la no hospedeiro encarnado.

As mentes do universo-sutil utilizam processo semelhante, em menor escala, sempre com a autorização e participação dos envolvidos; ou seja, espíritos, avatares, mestres ascencionados, entre outros. Pois, não vêem necessidade de realizarem uma prática demasiadamente invasiva e complexa, tanto para quem entra quanto para quem sai. Quando eles o fazem é porque a situação exige de verdade; isto é, há perigo iminente de os humanos sofrerem algum revés no seu fluxo existencial.

Quero, entretanto, dar algumas pistas para que o leitor perceba se é um entrante, ou não. Obviamente, não significa que, em sendo um, você esteja a trabalhar para o mal, pois, cada criatura tem o seu papel na grande obra, que é quanticamente relativa.

Mesmo sendo do universo-denso, você pode estar aqui para contribuir, de acordo com os padrões Terráqueos. O contrário pode ocorrer, se você pertencer ao universo-sutil. Parece inverossímil, mas é a pura realidade. Repito, dentro dos padrões da Terceira Dimensão.

Existem setores dos universos mencionados (denso e sutil) responsáveis pela co-criação e manutenção da 3D: que é o ambiente dimensional (a)temporal e energético em que a Terra está inserida. A diferença entre eles está na escolha dos métodos e práticas para alcançar a ascensão, na concepção de cada lado.

Características de um Entrante:

1.Tem a sensação de não pertencer a este mundo;
2.Sente que possui uma missão a cumprir;
3.Sente medo de decepcionar os outros;
4.Tem fixação por assuntos cósmicos (universo, vidas em outros planetas, etc.);
5.Sonha, frequentemente, com lugares e seres estranhos (nunca vistos aqui na Terra)
6.Gosta de saber o que está acontecendo à sua volta;
7.Raramente desiste do que se propôs a fazer, mesmo tomando prejuízos;
8.Costuma ser desinteressado nas questões afetivas (amor, família, amigos);
9.É muito reservado, detestando se abrir aos outros;
10.Costuma ter poderes telepáticos e vidência;
11.Tem forte interesse por ocultismo (magia, hipnose, mediunidade, etc.);
12.Não quer viver por muito tempo na Terra;
13.Não gosta de multidões (isso o enfraquece energeticamente);
14.Costuma ser ríspido e inflexível nas suas opiniões;
15.Não gosta de expressar emoções;
16.Possui grande poder de sedução;
17.Alguns deles são exímios oradores;
18.Não gosta da água do mar, nem de chuva (causa descompensação);
19.Costuma falar olhando para cima, como se estivesse observando a cabeça da outra pessoa;
20.Alguns são frios, calculistas e pouco amigáveis;
21.Teve problemas emocionais e psicológicos (sem explicação plausível) entre os 11 e 15 anos de idade;
22.Perdeu, de maneira estranha, a memória por um período de 24 a 36 horas;
23.Sentiu fortes dores de cabeça ou tonturas intensas, sem causa médica diagnosticada, durante a infância e a adolescência, principalmente;
24. Não tem muitas lembranças da infância (brincadeiras, amigos, passeios, etc.)

Se você se enquadra em dez, ou mais, das características citadas acima, ocorridas simultaneamente, há uma forte probabilidade de ser um entrante. Observar tais peculiaridades, talvez, possa lhe ajudar a refletir melhor sobre as suas ações em relação a você e ao mundo.

Autor: Gesiel Albuquerque
Imagem copiada de: http://www.realidadeoculta.com/abducao.html