Sobre implantes astrais...

Obsidiado e obsessor possuem a mesma freqüência. As forças negativas atuam, sejam extraterrestres ou não, dominando as vontades, mas pelo consentimento, mesmo que inconsciente, da pessoa que fica com o cérebro cada vez mais tomado por essas energias. Essa malha magnética negativa que vai se formando na mente, é responsável pelas imagens atordoantes que dominam o campo mental, trazendo recordações e pensamentos destrutivos e constantes, que podem levar à loucura física.

Uma técnica muito usada, é fixar o aparelho no crânio por meio de parafusos que fazem ligação por meio de finíssimos ligamentos ao sistema nervoso central e à medula. A Apometria, é um dos métodos usados para perceber esses chips que se instalam no corpo astral, o duplo etérico que é semelhante ao corpo físico.
Muitas vezes, a própria pessoa fornece a energia para o funcionamento destes aparelhos que passam a atuar como parasitas.
Disponível em: http://somostodosum.ig.com.br/conteudo/conteudo.asp?id=03334

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Esclarecimentos enviados por Rodrigo Romo

Rodrigo Romo é uma farsa

Anjos, deuses e equívocos