O invisível existe

Iniciados não têm qualquer interesse em “provar” a existência do Invisível: eles não seriam iniciados se não tivessem tido experiência pessoal da experiência dos planos sutis, e daquelas partes da consciência humana que são da mesma gama vibratória que essas esferas de energia que a ciência oficial está começando finalmente a estudar.

Nós sabemos que o Invisível existe. Portanto, quando um caso de extrusão indevida das forças sutis no mundo material nos é anunciado, nós procuramos investigar a situação com a maior objetividade possível. A solução de um pretenso caso de ataque mágico não deve ser procurada em nossos preconceitos, e sim na evidência disponível.

O primeiro passo, em todo caso, é chamar o médico ou o psiquiatra em nosso auxílio. Se os fenômenos não podem ser curados em termos de doenças do sistema nervoso ou glandular, ou explicados em termos de repressão anormal dos instintos naturais do animal humano, então é tempo de considerarmos a nossa experiência e aplicarmos nos nossos testes especializados.

É claro que há mais no homem que apenas corpo e mente. Somos seres espirituais manifestados sobre este plano, e corpo e mente são apenas as vestimentas de um viajor que atravessa uma terra estranha.

Autor: Marcelo Motta
do livro: Sintomas de ataques ocultos

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Rodrigo Romo é uma farsa

Esclarecimentos enviados por Rodrigo Romo

Anjos, deuses e equívocos