Chaves de Ezequiel (II)

Segunda Chave: ez3:1-15-dd:30? 5=4

Disse-me: coma este rolo e avise ao povo do lugar onde você mora. Então abri a boca e ele me deu a comer o rolo. Disse-me: sacie a sua fome com este rolo que te dou. Então o comi; e tinha um sabor doce feito mel.

Avisou-me: eis que fiz duro o seu rosto contra os rostos deles. Fiz como esmeril a sua fronte, mais dura do que a pederneira. Não tenha medo deles, nem se assuste com suas fisionomias.

Programaram-me com o seguinte comando: filho do homem, receba no seu coração todas as minhas palavras e ouça com muita atenção.
Vá ao cativeiro viver com os prisioneiros e com os filhos da sua gente, alertando-os para obedecerem às ordens do seu líder.

Então o extraterrestre me levantou e ouvi por detrás de mim uma voz de grande estrondo, que dizia: Bendita seja a glória do Senhor, desde o seu lugar.

E ouvi o ruído das asas dos seres viventes ao tocarem umas nas outras, o barulho das rodas ao lado deles e o som de uma grande explosão.

Então o ET me levantou e me levou; fui, amargurado, na indignação do meu espírito; E eu me sentia impotente para me soltar.

Ao chegar ao cativeiro, vi muitas pessoas provenientes do mesmo lugar onde nasci. Fui mantido preso naquele lugar por sete dias.

Autor: Profeta Ezequiel.
Referência: Livro de Ezequiel, Cap. 3

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Esclarecimentos enviados por Rodrigo Romo

Rodrigo Romo é uma farsa

Anjos, deuses e equívocos