O DNA espiritual

O DNA orgânico contém os registros de disfunções e doenças de toda uma família, porque no passado tivemos a necessidade das doenças e o nosso DNA tem o registro e o potencial de cada doença codificada como doença genética e consequentemente transmitida de geração em geração. Compreender a natureza e a função do nosso DNA do ponto de vista espiritual ajuda a entender como trabalhar com energias de cura no modo mais eficaz.

Já o DNA espiritual é o centro de informações que contém o esquema geométrico sagrado para cada uma das nossas encarnações e para a vida. A maioria dos seres humanos na Terra esta “ligada” somente aos registros do DNA nos corpos físico, emocional e mental, porque o corpo físico contém os registros do DNA para o veículo físico, mas cada um dos nossos corpos sutis contém uma série similar dos registros do DNA.

Não estamos, ainda, conectados ao DNA porque, ao longo dos milhares de anos da nossa humanização, não usamos a conexão espiritual do DNA e atrofiamos os meridianos, extinguindo canais pela falta de uso.

Para que entremos no estado sutil, devemos nos reconectar ao DNA espiritual e a esse estado, ao qual maior parte de nós ainda não tem a capacidade de ascender, pois, nas nossas memórias celulares, há um sistema distorcido de crenças codificadas no DNA emocional e mental e consequentemente no corpo físico.


Fonte: http://somostodosum.ig.com.br/clube/artigos.asp?id=7372

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Rodrigo Romo é uma farsa

Esclarecimentos enviados por Rodrigo Romo

Anjos, deuses e equívocos